Sem categoria

COISAS QUE APRENDI NA UNIVERSIDADE* E QUE FICAM PARA SEMPRE

*embora a ESCS seja uma Escola, vocês percebem.
coisas que aprendi na universidade
#1Aulas às 8 da manhã não é mau. Mau é ter aulas super aborrecidas às 8 da manhã… e, let’s face it, todas as aulas são aborrecidas às 8 da manhã.
#2 – Não tentes ser quem não és, não vale o esforço e não compensa quando os outros percebem que não és bem o que tentaste ser.
#3 – Fica com as pessoas que não te fazem sentir menosprezado(a), mal contigo mesmo(a) ou que não te fazem sentir como se estar contigo fosse um sacrifício.
#4 – Lá porque és independente, estás noutra cidade e vives sozinho não quer dizer que não precises da tua mãe, de um abraço dela e de ouvir um vai ficar tudo bem quando tudo parece desabar.
#5 – Nem toda a gente tem as mesmas prioridades: se para uns é importante começar logo a fazer amigos e a socializar, para outros é mais importante encontrar equilíbrio interior. Ambos são válidos, ambos merecem ser respeitados.
#6 – As pessoas mais inesperadas vão tornar-se nos teus melhores companheiros ao longo do tempo de faculdade, seja para chamadas de madrugada, seja para pequenos-almoços antes de testes complicados ou mesmo para te enviarem apontamentos sem tu lhes pedires directamente, só porque tu também já lhe deste muitos apontamentos.
#7 – Sim, vais acabar o curso sem saber a razão de teres tido algumas cadeiras (no meu caso: MIAC, o primeiro seminário do 1.º ano, etc.).
#8 – Vais odiar as noites de domingo quase tanto como as manhãs de segunda-feira.
#9 – Viagens entre o sítio onde estudas e o sítio onde vivem os teus pais vão ser óptimas para estudar, fazer trabalhos ou, o mais importante, meter o sono em dia.
#10 – Os teus colegas podem estar todos preocupados em competir uns com os outros e provar que são os melhores mas tu não tens de ser assim. Preocupa-te em ser a melhor versão de ti e manda o resto passear.
#11 – Vais ter vontade de faltar a muitas aulas e até o vais fazer: ou é por preguiça, ou porque precisas de estudar para o teste na hora a seguir, ou porque para estar lá em corpo e não em mente não vale a pena. 
#12 – Também vais optar por ficar em casa quando te levantares de manhã a sentir-te na merda, de coração partido, sem conseguir olhar para a cara daquela pessoa. E no dia seguinte vais aparecer nas aulas como se nada fosse porque essa pessoa não tem de saber o que sentes…
#13 – Mas não te esqueças de que não podes fugir dos sentimentos para sempre e vais acabar por lhe contar, algures num corredor, numa sala ou num sítio totalmente random onde foste umas cinco vezes antes daquele dia e onde vais acabar por ir várias vezes, como se fosse preciso lembrarem-te das palavras que disseste ali.
#14 – Conhece as pessoas antes de te deixares influenciar pela opinião que os outros têm.
#15 – Um dia, numa madrugada, vais estar a desesperar com o estudo e vais trocar snaps (porque o Instagram Stories ainda não o permite) com alguém que, sem saber, te vai ajudar a manter a calma. Valoriza esse momento porque ambos sabemos que esse é o momento em que percebes o quanto gostas dessa pessoa.

#16 – A decisão de ir ou não à praxe cabe a ti e só a ti. E não tens de justificar a tua decisão perante ninguém (ninguém mesmo!).
#17 – Trajar também é decisão tua mas, se o fizeres, é bom que o faças como deve ser.
#18 – No one cares se usas ou não maquilhagem. Se te sentes bem com aquele batom vermelhão: arrisca! Usar batom tornou-se uma cena minha, que fazia as minhas amigas perguntar se estava tudo bem quando não o usava.
#19 – Os milhões de possibilidades que tens no dia em que entras na faculdade pela primeira vez vão-se dissipando. Aproveita-as todas enquanto podes.
#20 – Se estiveres no meio de uma aula, quase a chorar e no meio de uma crise de ansiedade, sai, vai para a casa-de-banho mais próxima e liga à tua amiga, que vai sair da aula dela em segundos só para te ajudar. Vais ver.
#21 – Massa é a melhor opção para qualquer almoço. Ou as tostas maravilhosas do bar. Mas cuidado com a quantidade de porcarias que comes nas tardes de estudo, trabalho e cusquice com as tuas amigas.
#22 – Perdoar as pessoas não significa ficar amiga delas. É mais uma forma de lhes dizer para irem à vida delas: nada de rancores, conhecidos para sempre.
#23 – Vais descobrir que há colegas teus que visitam o teu blog e vais ter uns segundos de vergonha seguidos de minutos de agradecimento. Mal eles sabem que tu também lês tudo o que eles escrevem.
#24 – Ser simpático? Sim. Ser demasiado simpático? Não.
#25 – Partilha os teus apontamentos. Se fosses tu a precisar também ias gostar de que o fizessem por ti.
#26 – Aproveita os núcleos e as actividades extra-curriculares.
#27 – Tens mais a aprender com os teus colegas do que podes imaginar. Incluindo com aquele que parece ter um ego do tamanho do sistema solar.
#28 – A ressaca de um fim-de-semana na semana académica pode demorar um bocadinho mais a passar… mas vale as memórias (possíveis) e também vale ires para ver um concerto e acabares por não o ver.
#29 – Vocativos, regências de verbos e outras coisas que tal. Obrigada, ESCS!
#30 – Num dia és caloiro, não sabes onde são as salas nem onde raio se tiram fotocópias; no outro chegas às aulas e é o último dia do curso, o último dia com pessoas que amaste e odiaste durante três anos.

#31 – Quando, na bênção, cruzares olhares com alguém e sentires o mundo parado e vazio, um formigueiro no estômago, os olhos encher-se de lágrimas e a vontade de correr para o(a) abraçar, vais ficar no mesmo sítio, vais gravar aquela imagem e vais agradecer por todas as pessoas incríveis que conheceste e que mudaram a tua vida para melhor. E vais dizer, por fim, obrigada aos teus pais (se tiveres os dois) por te terem ajudado a ter os melhores anos da tua vida.

8 Comentários

  • Reply
    Ju.
    11/09/2016 at 16:11

    Ohh, que texto tão verdadeiro! Identifiquei-me com muitas das coisas que aprendeste!
    Beijinho*

  • Reply
    Marcia Maria Centeio Gomes
    11/09/2016 at 21:15

    Muito bem escrito, só me apetece partilha lo, Sofia ?

  • Reply
    R.
    11/09/2016 at 22:33

    Meu deus , eu arrepiei-me 😮
    Adoro este tipo de publicações

  • Reply
    Joana Sousa
    12/09/2016 at 09:48

    Que lista tão boa 🙂 os caloiros deviam todos ler isto. Identifico-me com tantos pontos!

    Jiji

  • Reply
    Ju
    12/09/2016 at 10:19

    estou ainda no 3º ano, sendo que o meu curso é de 5, e concordo com tudo :p

  • Reply
    Catarina
    12/09/2016 at 18:49

    gostei tanto de ler o texto!! e tem coisas tão giras e escondem tantas historias por trás (:

  • Reply
    Carolayne R.
    18/09/2016 at 10:32

    Gostei tanto de ler isto. Principalmente por estar a começar esta nova fase da minha vida! Sempre que tiver dúvidas em relação a algo, virei aqui reler o que escreveste!!

    A Vida de Lyne

    • Reply
      Sofia
      18/09/2016 at 13:08

      Ooooh! Obrigada, Lyne! No final do teu curso espero poder ler também sobre tudo o que aprendeste fora das aulas 🙂 Aproveita bem esta etapa!

share your theory

%d bloggers like this: