Sem categoria

SEVEN DAYS OF ME: 5 MÚSICAS DA MINHA VIDA

Seven Days of Me tag
[ordem aleatória]



Let it Be | The Beatles

É a minha música. A de sempre. A que está presente nos bons e nos maus dias. A que me provoca sempre arrepios, sem excepção. A que me faz acreditar que tudo vai ficar bem. Falei-vos da história deste tema na minha vida aqui.
In The End | Linkin Park
Foi a música que me fez apaixonar por Linkin Park, a música que mais me arrepiou quando os vi ao vivo. Imaginem estar no meio de oitenta e tal mil pessoas, todas a cantar o refrão de uma das vossas músicas preferidas e não conseguirem sequer ouvir o vocalista cantar de tão alto que o público o está a fazer! Foi incrível! Ainda hoje, quando vejo os vídeos, fico arrepiada! Eu não ouvia o Chester cantar, mas ouvia aquela gente toca cantar e cantei com eles. Podemos repetir?
Lithium | Nirvana
Tive uma fase em que achava que o mundo conspirava contra mim e em que não me sentia compreendida nem compreendia o que me rodeava. Foi nessa altura que os Nirvana se tornaram parte de quem sou hoje. Devorei a discografia, analisei e re-analisei as letras do Cobain, desejei ter existido numa época em que pudesse tê-los visto ao vivo. É curioso porque estas cinco músicas correspondem todas às minhas bandas preferidas e, dessas, acho que os Nirvana e os Linkin Park foram as que tiveram mais responsabilidade na pessoa em que me tornei. Obrigada, Kurt!

To Give | Silence 4
Estava um bocadinho indecisa entre esta e a My Friends, mas depois lembrei-me do momento mágico que vivi no MEO Arena, quando vi os Silence 4 actuar. É uma música muito bonita e muito triste. Aliás, este tema soou-me ainda mais triste e emocionante naquele concerto de Abril de 2014. O David Fonseca é um dos meus artistas nacionais preferidos e parte da culpa reside nos Silence 4. A ele e à Sofia Lisboa, vozes de uma das melhores bandas portuguesas de sempre: obrigada, muito obrigada!

I Bet You Look Good On The Dancefloor | Arctic Monkeys
Tenho de vos falar do meu amor pelo Alex Turner? Bem, se tem mesmo de ser… decorria o belo ano de 2006 (já passaram 11 anos?!) quando esse pedaço de perfeição que dá pelo nome de Alex Turner entrou na minha vida e fê-lo ao som de uma música chamada I Bet You Look Good On The Dancefloor. Esta mesmo. Foi a primeira música dos Arctic Monkeys que ouvi, numa altura em que começava a deixar de lado os D’ZRT e a música a la Morangos com Açúcar e em que começava a ouvir Nirvana, Linkin Park, Foo Fighters, The Beatles, David Bowie, etc., com a devida atenção. Este tema ficou por ter sido o primeiro.

8 Comentários

  • Reply
    Beatriz
    22/02/2017 at 10:06

    Adorei as tuas escolhas! Por acaso, a "In the end" também foi a música que me fez começar a gostar de Linkin Park e tenho muita pena por nunca ter tido a oportunidade de os ver ao vivo. Deve ter sido incrível (:

  • Reply
    Carolayne R.
    22/02/2017 at 13:56

    Arctic Monkeys! Õ/

  • Reply
    Inês
    22/02/2017 at 14:23

    Gostei muito da selecção de músicas. Muito semelhante ao meu gosto musical 🙂

  • Reply
    riotdontdiet
    22/02/2017 at 18:52

    adoroooo as tuas escolhas! so bandas que adoro 😀 artic monkeys pra mim é a do i wanna know!

    https://rrriotdontdiet.blogspot.pt/

    • Reply
      Sofia
      22/02/2017 at 18:59

      Também gosto muito da "Do I wanna know" e esta não é a minha preferida deles, mas foi a que me fez mais sentido partilhar 🙂

  • Reply
    Vanessa
    22/02/2017 at 22:03

    Também gosto muito dessas músicas 😀
    Mas dos Artic a minha favorita é a I Wanna Know, não sei se é por ser calminha… qualquer coisa assim.

    let's do nothing today

  • Reply
    Joana
    23/02/2017 at 09:21

    Gosto muito das músicas com número ímpar. Não diria que são as minhas cinco músicas, mas gostei muito de saber porque são as tuas. 🙂

  • Reply
    Blue
    23/02/2017 at 20:23

    Chamou-me à atenção uma das tuas músicas, que é também o meu "hino" e que senti exatamente o mesmo que tu quando a ouvi ao vivo, com algumas lágrimas à mistura. A In the end.

share your theory

%d bloggers like this: