Sem categoria

MOVIE 36: VOLTAMOS AO QUE NOS FAZ FELIZ

movie 36 - voltar
Passei a tarde de domingo a ver Harry Potter e a maldizer-me porque devia estar a ver filmes para as duas últimas edições do Movie 36. É que não tenho tido tempo para filmes (nem séries, nem livros…) e decidi que no domingo dava folga a mim mesma para ver filmes. Mas comecei a ver Harry Potter e lá veio a ideia de que devia estar a ver algo de que pudesse falar aqui. Até que pensei: e se falar de Harry Potter? Não de forma muito expansiva, porque já disse muito sobre a saga em vários posts que podem ler aqui, mas daquele sentimento de que estou sempre a voltar.
Há vários filmes que já vi várias vezes mas que quero sempre ver mais vezes: o Good Will Hunting, o Intouchables, A Dama e o Vagabundo, o primeiro Back To The Future e, claramente, todos os da saga Harry Potter. Desde 2012, tenho visto todos os filmes pelo menos uma vez por ano. Já sei coisas de cor, mas continuo a querer ver uma e outra vez, tantas quantas forem possíveis. E muitas vezes, quando estou a ver esses filmes pela 16373163819.ª vez, penso sempre no porquê de estar sempre a querer vê-los, mesmo que tenha dezenas de filmes por ver.

Aposto que conhecem aquela frase de que não devemos voltar aonde fomos felizes. Que depois é contestada por quem acha que devemos voltar. Bem, nos filmes é a mesma coisa: voltamos aos filmes que nos fazem felizes. E Harry Potter faz-me muito feliz… excepto com a morte do Dobby. E do Sirius. E do Fred. Mas no geral deixa-me feliz. E é por isso que volto. É bom sabermos o que nos espera e sabermos que é algo bom. Por isso é bem possível que me vejam voltar a Harry Potter muitas vezes durante muitos anos. A que filmes voltam sempre?
Esta publicação serve como #11 do Movie 36 (equivalente a Novembro).

Quem também participa no Movie 36
Lyne, Imperium
Francisca, Apenas Francisca
Sónia, By The Library
Inês, Vivus
Vanessa, Make It Flower
Cherry, Life of Cherry
Joana, Jiji
Inês, Wallflower
Abby, Simplicity

2 Comentários

  • Reply
    Andreia Morais
    18/12/2018 at 21:54

    Também gosto de voltar onde sou feliz, seja um lugar, um livro, uma série, um filme! Acho que se nos faz bem – e sentido – devemos aproveitar para rever, até porque tem um conforto extra.
    No que diz respeito aos filmes, volto sempre a Orgulho & Preconceito, A Extraordinária Vida de Timothy Green, Antárctida – Da Sobrevivência ao Resgate, entre outros 🙂

  • Reply
    Mary
    23/12/2018 at 02:37

    Eu também acho e gosto de rever e voltar ao que me dá prazer ou fez bem.
    Ao contrário de ti que vez a saga uma vez por ano, eu só a vi toda uma vez ahah, mas este Natal prometi à minha irmã (fâ assumidíssima) que me ia sentar e revê-la com ela :p
    Acho que os filmes que mais vezes vejo e não me canso é "Into The Wild" e "A Vida É Bela".

share your theory

%d bloggers like this: