Séries & TV

Uma Ode a How I Met Your Mother

how i met your mother

No dia 19 de Setembro de 2005 estreou nos Estados Unidos uma série chamada How I Met Your Mother. Esta série entrou na minha vida cinco anos depois e não mais saiu. Para comemorar o 15.º aniversário da estreia, decidi dedicar-lhe uma publicação, com os meus episódios preferidos e um bocadinho da minha história com a série. This is going to be legen… wait for it…

How I Met Your Mother: a série que foi muito mais do que a busca pela mãe

O título e a sinopse começaram por ser adequados, mas, a certo ponto, deixaram de o ser. Os próprios criadores admitem que, se calhar, o título da série devia ter sido outro. No entanto o primeiro propósito sempre foi ter a história de Ted Mosby. No ano 2030, Ted quer contar aos filhos a história de como conheceu a mãe deles e, para isso, recua ao ano de 2005. A partir daí guia-os por várias histórias da vida dele e dos amigos: Marshall e Lily, o casal que todos desejam ser, Barney, o amigo inconveniente, e Robin, a paixão inicial de Ted.

São 9 temporadas e os episódios rondam os 20 minutos. Há episódios muito engraçados e há outros de partir o coração. Há a teoria de que as últimas três ou quatro temporadas foram más e eu discordo. Há alguns problemas, concordo, mas a série não se tornou horrível. O final também é algo que causa algumas discussões. Normalmente, prefiro o final alternativo (que está nos DVDs e que pode ser visto na internet facilmente), mas já fiz as pazes com o final que foi escolhido para ir ao ar, apesar de me partir o coração.

Os meus episódios preferidos

Este ano tive oportunidade de rever a série completa. É habitual ver alguns episódios soltos todos os anos, principalmente quando estou mais em baixo ou no Natal, quando vejo os episódios da época, mas este ano achei que merecia uma maratona.

Enquanto revia a série, acabei por fazer uma lista de todos os episódios que têm um lugar especial na minha vida. Desses, escolhi partilhar contigo dez, os dez principais, por ordem cronológica.

 

A lista que se segue pode conter spoilers sobre a série How I Met Your Mother.

 

10 episódios preferidos de How I Met Your Mother

1×10 | The Pineapple Incident
Este é um dos episódios mais memoráveis de toda a série e o mistério do ananás fica até ao fim da série… e é desvendado nas cenas cortadas na 9.ª temporada. É um episódio engraçado, com a essência da série, em que o Ted apanha a bebedeira de uma vida.

2×07 | Swarley
Num episódio com duas linhas narrativas, a linha mais engraçada é sobre como, num café, a barista escreve “Swarley” no café do Barney e os amigos passam a chamá-lo assim. Impossível não rir.

3×05 – How I Met Everyone Else
Muitas séries costumam ter episódios de flashback, onde percebemos como as personagens se conheceram e confesso que adoro esse tipo de episódios, portanto este não podia faltar na lista, não é?

3×08 – Spoiler Alert
Este é um episódio sobre aquelas particularidades que ignoramos nas pessoas de quem gostamos e que se podem tornar bem chatas e problemáticas. É um episódio a que acho tanta piada, mas com um problema: fico sempre muita atenta aos pormenores de quem me rodeia durante uns dias.

5×12 – Girls vs. Suits
O episódio 100 é um episódio especial, em que o Barney tenta conquistar uma bartender e em que a Robin quer provar que essa bartender não é assim tão gira. O segmento musical é o mais marcante, claro.

6×14 – Last Words
Eis-nos nos episódios para chorar. O pai do Marshall morre de repente e o tema escolhido para o funeral é últimas palavras. O tema obriga todas as personagens a lidar com aquelas que seriam as últimas palavras para os seus pais e é um episódio muito emotivo.

7×12 – Symphony of Illumination
Na época de Natal, a Robin está a lidar com um momento complicado e o Ted quer ajudá-la (como sempre). É um episódio um tanto triste, mas igualmente bonito. Quem tem um Ted tem tudo.

7×20 – Trilogy Time
Ai, acho que este é mesmo um dos episódios de que mais gosto. Com a premissa de que o Ted, o Marshall e o Barney se juntam a cada três anos para ver a trilogia original de Star Wars, o episódio mostra a vida deles em cada ano e como eles esperam que seja em três anos. O confronto expectativa vs. realidade é engraçado, mas também me deixa sempre a pensar na minha vida.

8×20 – The Time Travelers
É um episódio meio conceptual, com viagens no tempo, mas também é devastador. Quando o Ted percebe que está sozinho no bar e que aquilo estava a acontecer só na cabeça dele é um momento doloroso.

9×16 – How Your Mother Met Me
Por fim, um episódio da última temporada. O melhor da última temporada. É um episódio em que temos um resumo do que a Mãe andou a fazer ao longo de todos aqueles anos em que acompanhámos o Ted. É engraçado ver como eles estiveram tão perto tantas vezes e só se encontraram no momento em que ambos estavam preparados para o fazer. Gostei tanto que teria adorado uma série inteira com aquele elenco.

How I Met Your Mother é uma daquelas séries que me aquecem o coração. Tal como o Ted vê Star Wars quando está triste ou doente, eu vejo HIMYM quando estou triste ou doente. Sinto-me sempre melhor. Também é uma série onde encontro sempre inspiração. Já escrevi muitos textos inspirados em acontecimentos da série e já usei referências à série em algumas das minhas histórias. Ainda bem que, um dia, o meu tio me deixou quatro temporadas no computador, para ver se eu gostava.

… dary! Legendary!

2 Comentários

  • Reply
    Andreia Morais
    19/09/2020 at 19:29

    Há séries que são uma bela definição de amor e esta é prova disso mesmo! Adoro *-*
    Qualquer dia, tenho de voltar a fazer uma maratona de How I Met Your Mother, porque é mesmo impossível ficar indiferente à dinâmica do grupo e às várias mensagens/aprendizagens que nos reserva

    • Reply
      Sofia Costa Lima
      19/09/2020 at 21:12

      Eu acabei a maratona com vontade de começar outra maratona! 😂

share your theory

%d bloggers like this: