Vida

Para regressar em 2020

onde regressar em 2020

Esta publicação parece uma matrioska: inspirei-me numa publicação sobre lugares onde regressar em 2020 feita pela Andreia, que por sua vez se inspirou numa publicação da Rita. É uma matrioska pequena, mas boa. No fundo, estas publicações provam que a velha máxima de não voltar onde fomos felizes é uma grande treta. 2020 é ano de regressar. Onde? Já lá vamos!

Onde quero regressar em 2020

Regressar é bom. Quando li a publicação da Andreia percebi que eu tenho já regressos marcados e outros pensados para 2020 e quis logo replicar a publicação, porque senti que fazia sentido para mim. Por isso, em 2020 quero regressar…

... ao Coliseu dos Recreios, Lisboa

O regresso está marcado para dia 15 de Fevereiro, com o propósito de ver os GNR no festival Às Vezes o Amor. É um regresso em duplicado: ao Coliseu, onde já estive várias vezes, e aos concertos dos GNR, depois da Mêda, no Verão de 2019.

... à Altice Arena, Lisboa

Este regresso também tem data marcada. Dia 20 de Maio é dia de rumar ao Pavilhão Atlântico Meo Arena à Altice Arena para mais um concerto, desta vez do Harry Styles. Se alguma vez eu achei que ia a um concerto do Harry Styles? Está claro que não, mas vai ser certamente uma data memorável. Golden, golden, you’re so goldeeeeeeeen.

... ao NOS Alive, Algés

Prometo que, por agora, não há mais concertos, mas de facto são os planos mais entusiasmantes para 2020. Desta vez tenho dois dias de NOS Alive programados: 9 e 10 de Julho, para ver, respectivamente, Taylor Swift e Faith No More. Gostei muito da primeira e única vez em que fui a este festival, por isso espero que a experiência positiva se repita.

... ao Porto

Podia incluir uma lista de locais a que quero regressar no Porto, mas não está nada pensado ou planeado. Só sei que em 2020 é para regressar ao Porto. E o resto logo se vê. Vamos só torcer para que o regresso aconteça o mais depressa possível, sim?

... à escrita

Não é um lugar físico, eu sei, mas preciso de voltar ao lugar espiritual onde habitam os mundos paralelos criados na minha escrita. Preciso de escrever, preciso de sentir que ainda sei escrever, preciso de regressar.

Esta publicação foi inspirada numa publicação do blog As Gavetas da Minha Casa Encantada, que podes encontrar aqui.

4 Comentários

  • Reply
    PatríciaMorais
    24/01/2020 at 11:37

    Disfruta ao máximo esses regressos 🙂

  • Reply
    Andreia Morais
    24/01/2020 at 21:29

    É por isso que gosto tanto da interação que podemos construir em rede, porque inspiramo-nos e podemos inspirar. E, depois, ler publicações tão maravilhosas quanto esta *-*
    Adorei ficar a conhecer os teus regressos para 2020. Estou deste lado a torcer para que os alcances a todos!

    • Reply
      Sofia Costa Lima
      25/01/2020 at 13:40

      Sem dúvida! É tão bom ter espaços como o teu a inspirar os outros! 🙏

share your theory

%d bloggers like this: