Vida

Life Hacks Que Mudaram a Minha Vida

life hacks

Estás a ver aquelas dicas que vemos pela internet, no Pinterest ou no Instagram, que prometem mudar a nossa vida? Muitas delas não mudam a vida a quem quer que seja, mas outras até acabam por ser úteis. Foi a pensar nestes pequenos life hacks que me lembrei de partilhar aqueles que realmente mudaram a minha vida, em várias áreas.

Life Hacks que mudaram a minha vida

Ter sempre uma nota de reserva na carteira

Habituei-me quando fui para a universidade a colocar uma nota de 10 ou de 20 euros guardada na carteira. Coloco-a junto a algum cartão, longe da vista, guardada para alguma eventualidade. Esta nota de reserva já me salvou em algumas situações em que não dava para pagar com cartão bancário e me vi sem dinheiro.

Guardar os pacotes de natas para bater no frigorífico

Isto talvez seja a dica mais ridícula desta publicação, mas também é muito útil. As natas devem estar bem frias quando se vão bater e isto levantava uma problema: quando me lembrava de que precisava de as ter frias já estava a tratar da receita em que as ia usar. A partir daí passei a guardá-las no frigorífico assim que as compro. Desta forma, há sempre natas frias, prontas a bater.

Desligar o wi-fi e os dados móveis à noite

Sou daquelas pessoas que raramente deixa aparelhos em stand-by ou ligados quando não estão a ser utilizados. Um desses casos é o router de internet. Apesar de não ser algo simples quando se partilha casa com muitas pessoas, é uma dica útil, que faz toda a diferença cá em casa.

Por um lado, à noite ninguém utiliza a internet portanto não é necessário tê-la ligada, a gastar electricidade. Por outro lado, com wi-fi e dados móveis desligados durante a noite o telemóvel não gasta tanta bateria e de manhã não acordo com notificações de redes sociais. 

Beber um copo de água assim que me levanto

Nem sei se isto pode ser considerado um life hack porque também é uma questão de saúde, mas há vários meses que aquilo que faço assim que me levanto é beber um copo de água. É uma prática aconselhada por profissionais de saúde, uma vez que durante a noite o nosso organismo desidrata, e também ajuda a começar o dia. Durante o dia, tenho optado por ter ou um copo ou uma garrafa junto a mim para ir bebendo.

Dobrar as camisolas a la Marie Kondo

Não li os livros nem vi a série com o método da Marie Kondo, mas acabei por apanhar algumas dicas e, embora céptica ao início, a dica de dobrar as camisolas de forma a podermos vê-las melhor nas gavetas safou-me no ano passado, em Lisboa, quando a arrumação era pouca e as camisolas de Inverno precisavam de espaço. Estou a planear reordenar as minhas gavetas novamente precisamente pelo quanto esta dica mudou a minha vida.

Gostaste deste conteúdo?

6 Comentários

  • Reply
    Cherry cherry
    18/06/2020 at 10:49

    Já pratico muitos desses hacks por acaso. O da nota eu faço desde os tempos do ciclo, a minha mãe escondia-me uma nota na carteira para o caso de eu vir a ficar sem dinheiro, mas nunca me aconteceu. Guardar os pacotes de nata no frigorífico é algo que faço desde sempre, nunca me tinha ocorrido que houvesse quem não o fizesse. Quanto ao terceiro, visto morar com os meus pais e eles não quererem dar-se a esse trabalho, não desligo o router, mas desligo sempre a net do meu telemóvel antes de ir para a cama. E, por último, beber água de que me levanto é algo que faço recentemente, não o fazia quando era criança, e faz toda a diferença!

    Blog: Life of Cherry

    • Reply
      Sofia Costa Lima
      27/06/2020 at 10:44

      Eu no ciclo raramente tinha notas, só moedas! Aí guardava sempre as moedas de 2€ porque nunca as queria gastar! 😂
      Cá em casa desligar o router não é trabalho porque está ligado à mesma tripla onde temos ligada a televisão e a box, portanto desligamos a tripla e já está.

  • Reply
    Andreia Morais
    18/06/2020 at 15:34

    Ter sempre uma nota de reserva também é algo que faço sempre. Aliás, detesto ir a qualquer lado e ter aquela sensação de que posso ficar mal. Assim, mais vale prevenir :p
    Embora não desligue o router, nunca deixo o wi-fi ligado no telemóvel. Mesmo durante o dia, só ligo quando vou mesmo às redes sociais e afins. Caso não esteja a utilizar, desligo sempre.
    Também bebo sempre água quando me levanto. E dobrar as camisolas pelo método da Marie Kondo foi algo que adotei mais recentemente, mas fez toda a diferença

    • Reply
      Sofia Costa Lima
      27/06/2020 at 10:45

      Por acaso durante o dia costumo ter sempre o wi-fi ligado no telemóvel, mas às vezes, quando estou sozinha e estou só a ler, desligo a internet.

  • Reply
    Os devaneios da Tim
    23/06/2020 at 22:11

    Não guarda a roupa como a Kondo mas de resto sou como tu

    • Reply
      Sofia Costa Lima
      27/06/2020 at 10:46

      Eu era céptica em relação ao método da Marie Kondo, mas as minhas gavetas agradeceram quando eu passei a dobrar roupa assim.

share your theory

%d bloggers like this: