Filmes Livros Séries & TV Vida

5×5: 25 ideias de conteúdos para te ocupares enquanto estás em isolamento

o que fazer em isolamento

Bem, nunca esperei fazer uma publicação onde falasse de quarentena. Na verdade, não vou falar propriamente de quarentena, mas daquilo que podes fazer enquanto estão em isolamento. 

Não percebo a necessidade de gente sem formação e autoridade para tal andar a falar de Coronavirus, a dar opiniões e a partilhar desinformação. Que deixem isso para os profissionais e para os órgãos em que podem confiar: a Organização Mundial de Saúde e a Direcção-Geral de Saúde são as melhores fontes. Lava as mãos, respeita e segue as sugestões que te são dadas pelas autoridades e deixa de lançar o pânico e a desinformação. É ridícula a quantidade de gente, incluindo influenciadores, que tem sido irresponsável com esta questão.

Posto isto, acho que o ideal para quem tem de ficar em casa é aproveitar para fazer outras coisas. A Joana Rita Sousa deixou, no Twitter, uma thread com várias sugestões de coisas a fazer em casa, que tem muitas ideias interessantes. A pensar nisto optei por algo que faz todo o sentido dentro do conteúdo que costumo fazer: 5 sugestões em 4 áreas diferentes e ainda uns extras, com conteúdos que podes explorar enquanto ficas resguardado em casa.

A minha escolha assentou em conteúdos que conheço e recomendo, embora não tenha falado de todos por aqui. Mas, para isto funcionar ainda melhor, desafio-te a partilhar as tuas sugestões nos comentários. Se não chegar para o isolamento, de certeza que será bom ter ideias para outras alturas.

5 Livros

A Grande Magia, de Elizabeth Gilbert

Estar fechado em casa pode ter alguma influência na nossa criatividade e, por isso, a minha primeira sugestão é A Grande Magia, um livro em que a Elizabeth Gilbert fala sobre criatividade. Por aqui, falei dele há dois anos, quando recomendei livros para quem escreve. O título original é Big Magic.

A História de Uma Serva, de Margaret Atwood

A História de Uma Serva foi um dos meus livros preferidos de 2019 e não podia deixar de recomendar a leitura desta distopia da Margaret Atwood. O título original é The Handmaid’s Tale e podes ler o que tive a dizer sobre ele nesta publicação

A Sombra do Vento, de Carlos Ruiz Zafón

Para quem gosta mais de romances, A Sombra do Vento é um dos mais espectaculares que já li. Passado em Barcelona, em 1945, La sombra del viento está tão bem escrito que nos transporta completamente para essa época e pode muito bem ser a companhia de que precisas para o isolamento. Escrevi sobre ele em 2016, aqui.

Breve História de Quase Tudo, de Bill Bryson

Se preferes ler um livro que te possa ensinar alguma coisa, Breve História de Quase Tudo é o livro ideal para ti. O título não engana e, aqui, podes saber um bocadinho de tudo, de Física a Química, de Biologia a Geologia. Com A Short History of Nearly Everything como título original, este livro ensina de uma forma interessante e nada aborrecida. Mencionei-o de forma resumida nesta publicação sobre o que li em Março de 2018.

Sou Um Crime, de Trevor Noah

O livro do Trevor Noah ainda não está pelo blog, mas vai estar em breve. Mais do que um livro de memórias, Born a Crime é um livro sobre a história da África do Sul e sobre racismo. Ao mesmo tempo que nos dá uns quantos murros no estômago também nos consegue fazer sorrir. Mesmo que não conheças o trabalho do Trevor Noah, acho que poderás gostar deste livro de qualquer forma.

5 Filmes

Ace in The Hole

Este é, possivelmente, o mais difícil de encontrar. É um filme de 1951, com o Kirk Douglas, que nos deixa a pensar sobre o mundo daquele tempo e de agora. Tem muito a ver com jornalismo, principalmente sobre a necessidade de por vezes ir demasiado longe pela história, tornando uma peça mais sensacionalista do que seria. Apesar de ser difícil de encontrar, não é impossível e vale a pena tentar.

Clueless

Comédias românticas? Temos, sim! Aqui me confesso: Clueless é uma das minhas comédias românticas preferidas. O filme conta com a Alicia Silverstone e o Paul Rudd, além da Britanny Murphy. Além de estar disponível na Netflix, podes comprar através do Youtube.

Good Will Hunting

Pronto, eu tentei resistir, mas tinha de incluir o meu filme preferido: Good Will Hunting. Não dá para resistir a partilhar um filme tão bom e tão diferente. Ganhou o Óscar de Melhor Roteiro Original e Robin Williams o de Melhor Actor Secundário. Está na Netflix, mas também para compra ou aluguer no Youtube. E também existe esta publicação sobre o filme.

Roma

Esta é a minha recomendação mais recente. Roma chegou à Netflix em 2018 e venceu o Óscar de Melhor Filme Estrangeiro. De todos os nomeados a Melhor Filme desse ano, foi um dos meus preferidos e acho que, se ainda não viste, esta é a altura ideal para o fazeres.

Walk The Line

Esta lista é tão aleatória que até eu estou admirada. Ainda assim, estou só a sugerir filmes de que gosto portanto deve ser esse o denominador comum. O Walk The Line é um filme sobre o Johnny e a June Cash, com o Joaquin Phoenix e a Reese Witherspoon. Está disponível para comprar ou para alugar no Youtube.

5 Séries

1986

Finalmente conteúdo nacional! A série 1986, escrita pelo Nuno Markl, Ana Markl e Filipe Homem Fonseca, estreou em 2018 e está disponível gratuitamente na RTP Play. Tal como o título diz, passa-se em 1986, num período pré-eleições Mário Soares vs. Freitas do Amaral. Falei desta e de outras duas séries nesta publicação.

Gilmore Girls

Não foi pelo isolamento, mas começámos a ver a série esta semana. Para mim é a 3.ª vez e vale sempre a pena. É uma série familiar, sobre uma mãe solteira, Lorelai, e a filha, Rory. As 7 temporadas (2000 – 2007) estão na Netflix, onde têm ainda uma revival, de 2016. Gilmore Girls e outras séries familiares foram incluídas nesta publicação, mas esta é mesmo uma das minhas preferidas de sempre.

The Good Place

A propósito do final da série, escrevi que esta é uma das minhas séries favoritas e é a companhia de que todos precisam, seja em que altura for. É uma série sobre filosofia, mas não exclusivamente sobre filosofia, com muito humor à mistura. Está totalmente disponível na Netflix e, com quatro temporadas e episódios de 20 minutos, de certeza que vais conseguir encaixá-la na tua rotina.

The Handmaid's Tale

Leste o livro, podes e deves ver a série. Já existem três temporadas, que já ultrapassaram um pouco os acontecimentos do primeiro livro e, na minha opinião, a série torna-se mais dura do que o livro. Em Portugal podes ver The Handmaid’s Tale no serviço de streaming da NOS, o NOS Play.

The Marvelous Mrs. Maisel

Esta é outra das séries de que tenho gostado muito. É sobre uma mulher que se aventura no mundo do stand-up comedy no final dos anos de 1950, nos Estados Unidos. As três temporadas disponíveis por agora estão no Prime Video, juntamente com outras séries de que falei aqui.

5 Podcasts

Cada Um Sabe de Si

podcast do Diogo Beja e da Joana Azevedo é um dos meus preferidos. As entrevistas são bem conduzidas e bem dispostas e os convidados são variados, para todos os gostos. O podcast está disponível no site da Rádio Comercial, no iTunes e no Google Podcasts.

10 Anos da Caderneta de Cromos

A rubrica do Nuno Markl nas Manhãs da Comercial tem sido uma pequena walk down memory lane, com humor e memórias boas… e outras coisas das quais não me lembro. Além de estar disponível no site da Rádio Comercial e no Google Podcasts, a versão em vídeo está também no Youtube.

Ponto Final, Parágrafo

Gostas de livros? Este é o podcast para ti. É sobre livros, literatura e a vida, com convidados com algum tipo de relação com a literatura e tem sido um dos meus preferidos, principalmente os episódios com o Francisco Geraldes, com o Afonso Reis Cabral e com a Rita da Nova. Além do Spotify, podes encontrar no Mixcloud e noutros agregadores de podcasts como o Google Podcasts.

Sobretudo

O Sobretudo é um podcast, como o nome indica, sobre tudo. É o podcast ideal para quem gosta de aprender coisas e de compreender outras. Tem havido muitos episódios interessantes, muitos dos quais ainda não ouvi, mas já me sinto conquistada o suficiente para o recomendar. Está no Spotify, Google Podcasts e outras plataformas do género.

Sozinho em Casa

podcast do Guilherme Geirinhas foi um dos que mais me recomendaram quando falei, em Setembro, dos podcasts de que mais gostava e percebi logo porquê. Não é um podcast de humor, embora muitas vezes o Guilherme diga coisas com piada. Está no Spotify e nas restantes plataformas de podcasts.

5 Aleatórios

Uma Série Explicativa: Explained

À semelhança do Sobretudo, esta série é ideal para quem gosta de aprender sobre um pouco de tudo. Os episódios são curtos, muito bem explicados e interessantes. Além da série mais geral, há ainda dois spin-off: The Mind, ExplainedSex, Explained (este último ainda não vi). Está tudo na Netflix.

Um blog: As Gavetas da Minha Casa Encantada

Sigo com atenção e vontade uns três ou quatro blogs por isso é muito fácil para mim recomendar um blog e esse blog é o da Andreia. A Andreia publica diariamente, com vários temas e textos tão bem escritos, com sentimento e de certeza que encontrarás um bom refúgio nas palavras dela.

Uma série documental: Soundbreaking

Vou ser sincera: não tenho a certeza de que consigas encontrar esta série documental de fora legal. Eu, pelo menos, não a vi legalmente. No entanto, gostei tanto dela que sei que, se gostas de música, vais gostar também. Os oito episódios vão desde a música de há umas décadas à música mais actual (de 2016, vá).

Um especial de comédia: Trevor Noah: Afraid of The Dark

Quer tenhas lido o Born a Crime quer não o tenhas feito, vou recomendar na mesma um especial do Trevor Noah. Além deste, há outros especiais do Trevor e de outros comediantes. Na minha lista tenho tantos especiais por ver que podia passar horas a fio a fazê-lo, mas tenho uma ligeira paixão pelo Trevor portanto quis ser total e absolutamente parcial.

Um local para aprender: o Atelier Digital da Google

Sabias que a Google tem aulas gratuitas, incluindo um de Princípios do Marketing Digital, que dá direito a certificação. Aproveitar os dias de isolamento para aprender algo pode ser uma forma muito útil de passar algum tempo. Além deste, podes investir em cursos da Udemy ou mesmo no Duolingo, onde podes aprender uma língua.

6 Comentários

  • Reply
    Inês
    14/03/2020 at 12:18

    Não conhecia esse especial do Trevor Noah, só o «Son of Patricia», vou ver! Fiquei curiosa com a série The Marvelous Mrs. Maisel. Uma que vi recentemente e que recomendo muito é «Don’t fuck with cats». Muito boa.

    • Reply
      Sofia Costa Lima
      14/03/2020 at 12:33

      Também já vi o “Son of Patricia” e gostei, mas achei o “Afraid of the dark” melhor. Tenho ouvido várias coisas sobre “Don’t Fuck With Cats”, mas ainda não me aventurei! Tenho de explorar!

  • Reply
    Andreia Morais
    14/03/2020 at 21:06

    Os nossos pensamentos estão em sintonia, porque também estou a preparar uma publicação dentro desta temática. Porque há mesmo inúmeras coisas que podemos fazer/ver enquanto nos resguardamos deste sacana Covid-19. E entre partilhar conteúdo que costumamos acompanhar e aquele que pretendemos ver, sinto que não deixa de ser um bom exemplo de comunidade, facilitando a angustia de todos 🙂
    A História de Uma Serva, 1986, Ponto Final, Parágrafo e Sozinho Em Casa também fazem parte da minha lista. E espero conseguir ver Roma!
    Um obrigada gigante – e emocionado – por ver as minhas gavetas mencionadas nesta publicação. Significa mesmo muito <3

  • Reply
    Mariana Leal
    15/03/2020 at 11:47

    Que fantástica compilação! Agradeço especialmente pelos livros e pelos podcasts, já adicionei mais uns às minhas listas :3

share your theory

%d bloggers like this: